terça-feira, 9 de outubro de 2007

Fórmula 1 cada vez mais japonesa

FÓRMULA 1
.

O japonês Kazuki Nakajima é o segundo representante da família na Fórmula 1

.
O circo da Fórmula 1 começa a se preparar para a decisão do título, em Interlagos. Pelo menos uma novidade está reservada para o público brasileiro. Dessa vez não foi uma declaração bombástica de Fernando Alonso ou algum novo escândalo envolvendo as equipe McLaren e Ferrari. Muito pelo contrário, a novidade da Fórmula 1 nada tem a ver com essas equipes e com a disputa do título. Trata-se do estreante que irá guiar pela Williams no Brasil: o japônes Kazuki Nakajima.

A Williams confirmou nesta terça-feira Nakajima como substituto do austríaco recém-aposentado Alexander Wurz, que após pilotar pela equipe inglesa durante toda a temporada até então, resolveu "pendurar o capacete" logo após o GP da China.

Kazuki, de 22 anos, é filho de Satoru Nakajima, que competiu na F-1 entre o final dos anos 80 e início dos anos 90 em equipes tradicionais como Lotus e Tyrrel. Satoru é um velho conhecido dos brasileiros, uma vez que foi companheiro de Ayrton Senna na Lotus, em 1987, e também foi o responsável por provocar um acidente com o brasileiro no GP do Brasil de 1990, tirando uma vitória tranqüila das mãos de Senna.

Kazuki competiu neste ano de 2007 na Fórmula GP2, categoria de acesso à F-1, e mostrou bons resultados, tendo sido considerado o "novato do ano". Ele também é o atual piloto de testes da Williams e chegou a participar de alguns treinos livres de sexta-feira. "Sou muito grato à equipe pela por ter me dado essa oportunidade. Essa é uma chance que quero agarrar com as duas mãos e retribuir a confiança com uma boa performance", comentou Nakajima.

Nakajima terá a companhia de outros dois japoneses na etapa do Brasil: Takuma Sato, da Super Aguri, e Sakon Yamamoto, da fraca Spyker. Agora, tomara que ele não tenha herdado do pai o faro apurado para provocar acidentes e trapalhadas nas pistas.

foto: eurosport.fr

4 comentários:

Dragus disse...

Se tiver, ao menos terá fama.

Não a que ele quer, mas a que a mídia mais adora... =p

Rick disse...

Os Japoneses tão pegando gosto pela F1 e como tem muito dinheiro, é normal que eles comecem a dominar..

Autos Wallpaper disse...

Muito bom o blog! Parabéns!
Os japoneses estão vindo com tudo, claro com dinheiro fica + fácil né... hehehe

tenha uma boa quarta,
Abraço

http://autoswallpaper.blogspot.com

Prof. PH disse...

Boa informação, Raoni! Nakajima (Kazumi) de volta às pistas... Logo, logo o Piquet (Nelsinho) também começa, bem como o Senna (Bruno). Imagina um grid com Senna, Piquet e Nakajima? Anos 80 total!